Bernie Wrightson

 Em minhas buscas pela internet atrás de arte e artistas, mais precisamente atrás de desenhos em bico-de-pena, encontrei uns desenhos de Berni Wrihtson, mais precisamente do livro Frankstein. Já conhecia a arte de Bernie, pois sou portador de duas histórias em quadrinhos ilustradas por ele, uma do Homem Aranha e outra do Hulk e do Coisa. Wrightson já tinha me fisgado como admirador devido ao seu traço feito em bico-de-pena “Old School” mas, foi somente quando vi os desenhos do livro Frankstein que conheci o verdadeiro poder de fogo do indivíduo. As ilustrações do livro são meticulosos e detalhistas dignas de quadros de galeria. Portanto resolvi fazer uma apresentação deste artista e sua obra.

Bernie Wrightson

Bernie Wrightson é um desenhista americano conhecido por suas ilustrações de terror e ficção científica publicadas em histórias em quadrinhos.
Nasceu em Baltimore, Maryland em 27 de outubro de 1948. Começou a trabalhar em 1966 para o Baltimore Sun Jornal como ilustrador. No ano seguinte, após um encontro com o artista Frank Frazetta em uma convenção de quadrinhos em Nova York, ele se inspirou para produzir suas próprias histórias. Em 1968, ele mostrou cópias de sua arte seqüencial para a DC Comics para o editor Dick Giordano que ofereceu um trabalho de freelance.
Seu primeiro trabalho profissional de quadrinhos apareceu em House of Mystery Nº 179, em 1968. Ele trabalhou em uma variedade de mistério e títulos antológicos da DC e sua principal rival, a Marvel Comics.
Em 1971, com o escritor Len Wein, Wrightson co-criou o Muck criatura do Monstro do Pântano  para DC. Ele também co-criou Destino, mais tarde se tornou famoso na obra de Neil Gaiman. Em 1974 ele havia deixado de trabalhar na DC Warren Publishing, Fez então revistas de horror em preto-e-branco, produziu uma série de trabalhos originais, bem como as adaptações das histórias de HP Lovecraft e Edgar Allan Poe.
Em 1975, Wrightson se juntou com outros artistas entre eles Jeff Jones, Michael Kaluta, e Barry Windsor-Smith e formou o "The Studio", um “loft” compartilhado em Manhattan, onde o grupo iria fazer produtos criativos fora das restrições do mercantilismo dos quadrinhos. Embora ele continuasse a produzir a arte seqüencial, Wrightson começou a produzir ilustrações para inúmeros cartazes, gravuras, calendários, e até mesmo livros para colorir.
Wrightson fez durante sete anos cerca de 50 desenhos com bico-de-pena, ilustrações detalhadas para acompanhar uma edição do romance de Mary Shelley's Frankenstein, que o artista considera entre seus trabalhos o mais pessoal. Wrightson desenhou o cartaz do filme Creepshow de Stephen King, assim como ilustrou a adaptação em quadrinhos do filme. Isso levou a várias outras colaborações com Stephen King, incluindo ilustrações para a novela "Ciclo do Lobisomem", a edição restaurada do épico apocalíptico de horror “The Stand”, e também arte para as edições de capa dura de From a Buick 8 e Dark TowerV.
Wrightson contribuiu com as capas dos álbuns de várias bandas, incluindo Meat Loaf. O "Captain Sternn" do filme animado Heavy Metal é baseado no personagem criado por Wrightson para sua premiada série em quadrinhos de mesmo nome. Ele trabalhou em Homem-Aranha, Batman e The Punisher, e  também pintou capas para a DC Comics entre muitos outros trabalhos. Os trabalhos recentes incluem City of Others e a próxima Dead She Said, ambos co-criados com o popular autor Steve Niles.
Suas ilustrações do gênero de horror atraíram milhares de fãs e o levou a trabalhar no cinema. Como um artista conceitual, Bernie já trabalhou em muitos filmes, principalmente no gênero horror. Bem conhecidos filmes incluem Ghostbusters, The Faculty, Galaxy Quest, Spider-Man, Land of the Dead de George Romero, e o mais recente filme de Stephen KingThe Mist.
Hoje, Bernie reside em Los Angeles com sua esposa Liz, onde trabalha em projetos de filmes e entre outros projetos, incluindo histórias em quadrinhos, desenhos de personagens para animação e desenhos assustadores apenas para se divertir!









Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Papéis [Materiais Para Desenho]

Alphonse Mucha

Lápis Grafite - Parte 1